Mulheres e exercícios do assoalho pélvico

Publicado em 30 de abril de 2015

Conhecimento, pratica e intenções das mulheres em relação aos exercícios…

Mulheres e exercícios do assoalho pélvico

Mulheres e exercícios do assoalho pélvico

Mulheres e exercícios do assoalho pélvico

 

 

 

 

 

 

Objetivo: embora as pesquisas tenham demonstrado a eficácia dos exercícios do assoalho pélvico (EAP) para a prevenção e tratamento da incontinência urinaria feminina (IUF), a participação do regime de EAP é comumente pobre.

Estas são algumas das evidencias que concluem em parte devido a falta de conhecimento sobre a performance do EAPs corretamente e o conceito errado sobre o freqüente requerimento e duração do EAP.

Métodos: usando uma amostra de 720 mulheres no pós-parto, este estudo investigou mulheres com regimes de EAP ambos antes e durante a gravidez e no pós-parto.

Resultados: achados demonstram que a maioria das mulheres eram conscientes do requerimento da freqüência do EAPs ( pelo menos todo o segundo dia): somente metade fez isto freqüentemente durante a gravidez e 91% programaram fazer no pós-parto. No entanto, poucas fizeram ate este nível antes da gravidez e menos que a metade sabiam que os EAPs poderiam ser realizados independentemente por toda a vida. Além disto, somente dois terços eram cocientes de que elas estavam fazendo os EAPs corretamente.

Conclusão: como conclusão sugestionamos que, o despeito de um bom conhecimento do requerimento da freqüência dos EAPs, poucas mulheres praticaram eles regularmente por toda sua vida, muitas aparentemente perceberam a relevância dos EAPs somente para o parto.

Implicações para a saúde profissional dirijam-se estas lacunas em mulheres que o conhecimento, a pratica são discutidos.

Neurourol. Urodynam. 22:246 249, 2003. _ 2003 Wiley-Liss, Inc.

Key words: childbirth; femaleurinary incontinence;postpartum; pregnancy

Fonte:http://www.fisioterapiasalgado.com.br/visualiza.asp?id=339

Deixe uma resposta

Translate »